SARNA

 

sarna,escabiose,fotos sarna,fotos escabiose,tratamento sarna,tratamento escabiose,dermatologista,escabicidas,escabiose norueguesa,Sarcoptes scabiei,dermatologista,ivermectina,sarna humana,escabiose sarna,cura para sarna

 

ESCABIOSE / SARNA

 

A escabiose é uma dermatose gerada por um ácaro, o Sarcoptes scabiei, que produz erupções pápulo- eritematosas com intenso prurido noturno.

Ela é transmitida por contato pessoal, sem preferência por idade, sexo ou raça. A possibilidade de transmissão por roupas é excepcional, pois o parasito completa seu ciclo biológico no homem e fora do hospedeiro morre em menos de uma semana.

 Esse parasita se alimenta da queratina, ou seja, proteína que constitui a camada superficial da pele. Depois do acasalamento, a fêmea põe os ovos (seis em média por fêmea) que eclodem após duas semanas.

A sarna acomete qualquer pessoa, independentemente de raça, idade ou hábitos de higiene pessoal. A doença é caracterizada por uma coceira intensa, principalmente à noite, na região do umbigo, axilas ou entre os dedos das mãos.

Após um período de incubação de cerca de 3 semanas, uma erupção pruriginosa aparece nos dedos das mãos, punhos, mamilos, axilas, genitália, área periumbilical e nádegas. Ela é caracterizada por pápulas ("bolinhas") e lesões em túnel (lineares) de trajeto sinuoso, às vezes pouco visíveis. Além disso encontramos também escoriações (causadas pelo ato de coçar), infecções secundárias e nódulos na bolsa escrotal ou no pênis. Em crianças, as lesões localizam-se também no couro cabeludo, palmas das mãos e plantas dos pés. É possível a infecção secundária destas lesões com surgimento de pústulas e crostas amareladas.

Baseado na história de prurido noturno e nas lesões encontradas nas áreas sugestivas, qualquer dermatologista é capaz de fazer o diagnóstico clínico, que pode ser facilmente confirmado com um exame direto do material raspado da pele do doente e examinado ao microscópio.

 

ESCABIOSE NORUEGUESA

A escabiose norueguesa ou crostosa, uma variante incomum da escabiose, é causada pela hiperinfestação por Sarcoptes scabieie e apresenta alta morbidade. Ocorre em indivíduos desnutridos ou imunodeprimidos e apresenta elevada contagiosidade

 

 

COMO PREVENIR A SARNA

- Evite aglomerações onde hajam contatos corporais.

- Evite contato corporal com quem está com a doença.

- Faça diariamente a higiene corporal.

- Mantenha limpo o local onde habita.

- Troque de roupa todos os dias, lavando-as

e passando-as com ferro quente.

- Mantenha limpas as roupas de cama. Ao trocá-las,

lave-as bem, passando-as com ferro quente.

 

tratamento sarna / tratamento escabiose:

 

Existem vários medicamentos de uso tópico que podem ser utilizados no tratamento da escabiose. São soluções escabicidas que normalmente devem ser diluídas e aplicadas à noite, no corpo todo do indivíduo, por alguns dias. Não há necessidade de ferver roupas de cama ou pessoais, pois o ácaro não sobrevive por muito tempo fora do hospedeiro.

Existe também a possibilidade de tratamento com medicação oral que deverá ser prescrita pelo seu médico.

Os sabonetes escabicidas não costumam ser eficazes e produzem, em diversos casos, reações alérgicas que pioram o caso.

Todas as pessoas que residem na casa do doente devem ser examinadas ou mesmo tratadas, às vezes com doses menores da medicação.

Gestantes e lactentes não devem utilizar os mesmos medicamentos que as outras pessoas acometidas por esta zoonose.

ivermectina

Uma dose oral de ivermectina 200_g/Kg cura a maioria dos casos de escabiose comum e não complicada, excluindo a forma norueguesa.

A dose oral de ivermectina é tão efetiva quanto a terapia tópica com escabicidas.

As vantagens da ivermectina oral no tratamento de pacientes com escabiose referem alta eficácia terapêutica contra Sarcoptes scabiei, além de boa tolerância e influência da droga em toda superfície da pele e nos sintomas clínicos.

 A administração da droga apresenta rapidez na resposta e facilidade na administração. Além dessas vantagens, o uso de ivermectina é seguro e útil naqueles pacientes com eczematização secundária e escoriações nos quais o tratamento tópico é irritativo e menos tolerável.

A ivermectina, portanto, é uma droga segura, útil e simples de usar.

A ivermectina é de grande interesse no tratamento de pacientes com escabiose, especialmente em comunidades epidêmicas, pacientes com escabiose crostosa, imunocomprometidos, aqueles cujo tratamento tópico possa ser de difícil administração e nas formas de escabiose não responsivas a terapia tópica convencional. Como a dose preconizada é única, a ivermectina pode ser administrada sob supervisão no momento do diagnóstico, tendo vantagem adicional de evitar os problemas do não cumprimento e mau uso do Tratamento.

 

IMPORTANTE

  • Procure o seu dermatologista para diagnosticar doenças, indicar tratamentos e receitar remédios.

 

 

FOTOS SARNA / FOTOS ESCABIOSE :

 

 

 

 

ESCABIOSE:

 

 

 

 

Tópico: SARNA / ESCABIOSE

Ajuda

Data: 01/09/2014 | De: Marta Sousa

Estou quase desistindo! Me ajudem por favor à 4 anos que venho tentando resolver esses sintomas já fui em vários médicos alguns já falaram que eu tinha escabiose outros simplesmente mandaram ir no infectologista e nada sinto como se alguma coisa andase na pele tempo depois fica uma mariquinha parecendo quando borrachudo pica. Já usei tudo que tem no mercado para escabiose tanto oral como loção e continuo com o mesmo sintoma.

O melhor conselho

Data: 19/08/2014 | De: Carlos

"Como me livrei da Escabiose", na página 13.

Re:O melhor conselho

Data: 19/08/2014 | De: Carlos

1-IVERMECTINA, comprimidos OU
2-KELTRINA PLUS 5% ou NEDAX PLUS 5%, loção cremosa.

Ambas (1 e 2) são dose única! Não pense que a coceira vai passar logo, pode se prolongar até 30 dias após o tratamento!!!! não significando que não tenha dado certo.

Fiz o tratamento somente com IVERMECTINA. Tomei 3 comprimidos (peso 90 quilos) e 12 horas após veio uma coceira terrível! Nos dias seguintes foi melhorando devagarinho. Importante se ocupar, trabalhar fisicamente para esquecer de se coçar. Use sabonetes suaves, os bichinhos já morreram e sua pele agradece! Por via das dúvidas repita a dose única após 14 dias para evitar a reinfestação. Use roupas leves e ventiladas (algodão ou seda), tome muuuita água com limão (evite cerveja e refrigerantes---ph 2,5!) Atenção após o banho: nada de esfregar, use o seu secador de cabelos.

manchas causadas pela escabiose

Data: 13/08/2014 | De: Eliana

Estou cm escabiose, ja tomei remedio, dose unica e estou passando uma loção q o médico me receitou..
Gostaria de saber como acabar com as manchas, pois encomodam de mais.
Desde já agradeço!!

Re:manchas causadas pela escabiose

Data: 27/08/2014 | De: André

Qual. Creme

Re:Re:manchas causadas pela escabiose

Data: 27/08/2014 | De: Andrea

Quero um creme para tirar manchas da pele

para sarna ou escabiose

Data: 07/08/2014 | De: maria

devem usar dose certa de ivermectina cp passar loçao permetrina

muitos calombos e coceiras pelo corpo

Data: 01/08/2014 | De: solange

Meu marido esta desde março com calombos e coceiras pelo corpo todo ja foi em vários médicos e ninguem diz coisa com coisa os exames dão tudo bom como podem nos ajudar?

sarna

Data: 30/07/2014 | De: moraes

Meu trouxe um cachorro da rua filhote e nos estamos com bolinhas no tronco braços que cocam muito que sera já tomamos e demos para o filhote ivermectina e continua coçando

sarna

Data: 29/07/2014 | De: carla

ola!ja estou a mais de 15 dias com meu filho de 4 anos com as bolinhas o que fazer e ja foi medicado mas ainda continua

1 | 2 | 3 | 4 | 5 >>

Novo comentário