SARNA

 

sarna,escabiose,fotos sarna,fotos escabiose,tratamento sarna,tratamento escabiose,dermatologista,escabicidas,escabiose norueguesa,Sarcoptes scabiei,dermatologista,ivermectina,sarna humana,escabiose sarna,cura para sarna

 

ESCABIOSE / SARNA

 

A escabiose é uma dermatose gerada por um ácaro, o Sarcoptes scabiei, que produz erupções pápulo- eritematosas com intenso prurido noturno.

Ela é transmitida por contato pessoal, sem preferência por idade, sexo ou raça. A possibilidade de transmissão por roupas é excepcional, pois o parasito completa seu ciclo biológico no homem e fora do hospedeiro morre em menos de uma semana.

 Esse parasita se alimenta da queratina, ou seja, proteína que constitui a camada superficial da pele. Depois do acasalamento, a fêmea põe os ovos (seis em média por fêmea) que eclodem após duas semanas.

A sarna acomete qualquer pessoa, independentemente de raça, idade ou hábitos de higiene pessoal. A doença é caracterizada por uma coceira intensa, principalmente à noite, na região do umbigo, axilas ou entre os dedos das mãos.

Após um período de incubação de cerca de 3 semanas, uma erupção pruriginosa aparece nos dedos das mãos, punhos, mamilos, axilas, genitália, área periumbilical e nádegas. Ela é caracterizada por pápulas ("bolinhas") e lesões em túnel (lineares) de trajeto sinuoso, às vezes pouco visíveis. Além disso encontramos também escoriações (causadas pelo ato de coçar), infecções secundárias e nódulos na bolsa escrotal ou no pênis. Em crianças, as lesões localizam-se também no couro cabeludo, palmas das mãos e plantas dos pés. É possível a infecção secundária destas lesões com surgimento de pústulas e crostas amareladas.

Baseado na história de prurido noturno e nas lesões encontradas nas áreas sugestivas, qualquer dermatologista é capaz de fazer o diagnóstico clínico, que pode ser facilmente confirmado com um exame direto do material raspado da pele do doente e examinado ao microscópio.

 

ESCABIOSE NORUEGUESA

A escabiose norueguesa ou crostosa, uma variante incomum da escabiose, é causada pela hiperinfestação por Sarcoptes scabieie e apresenta alta morbidade. Ocorre em indivíduos desnutridos ou imunodeprimidos e apresenta elevada contagiosidade

 

 

COMO PREVENIR A SARNA

- Evite aglomerações onde hajam contatos corporais.

- Evite contato corporal com quem está com a doença.

- Faça diariamente a higiene corporal.

- Mantenha limpo o local onde habita.

- Troque de roupa todos os dias, lavando-as

e passando-as com ferro quente.

- Mantenha limpas as roupas de cama. Ao trocá-las,

lave-as bem, passando-as com ferro quente.

 

tratamento sarna / tratamento escabiose:

 

Existem vários medicamentos de uso tópico que podem ser utilizados no tratamento da escabiose. São soluções escabicidas que normalmente devem ser diluídas e aplicadas à noite, no corpo todo do indivíduo, por alguns dias. Não há necessidade de ferver roupas de cama ou pessoais, pois o ácaro não sobrevive por muito tempo fora do hospedeiro.

Existe também a possibilidade de tratamento com medicação oral que deverá ser prescrita pelo seu médico.

Os sabonetes escabicidas não costumam ser eficazes e produzem, em diversos casos, reações alérgicas que pioram o caso.

Todas as pessoas que residem na casa do doente devem ser examinadas ou mesmo tratadas, às vezes com doses menores da medicação.

Gestantes e lactentes não devem utilizar os mesmos medicamentos que as outras pessoas acometidas por esta zoonose.

ivermectina

Uma dose oral de ivermectina 200_g/Kg cura a maioria dos casos de escabiose comum e não complicada, excluindo a forma norueguesa.

A dose oral de ivermectina é tão efetiva quanto a terapia tópica com escabicidas.

As vantagens da ivermectina oral no tratamento de pacientes com escabiose referem alta eficácia terapêutica contra Sarcoptes scabiei, além de boa tolerância e influência da droga em toda superfície da pele e nos sintomas clínicos.

 A administração da droga apresenta rapidez na resposta e facilidade na administração. Além dessas vantagens, o uso de ivermectina é seguro e útil naqueles pacientes com eczematização secundária e escoriações nos quais o tratamento tópico é irritativo e menos tolerável.

A ivermectina, portanto, é uma droga segura, útil e simples de usar.

A ivermectina é de grande interesse no tratamento de pacientes com escabiose, especialmente em comunidades epidêmicas, pacientes com escabiose crostosa, imunocomprometidos, aqueles cujo tratamento tópico possa ser de difícil administração e nas formas de escabiose não responsivas a terapia tópica convencional. Como a dose preconizada é única, a ivermectina pode ser administrada sob supervisão no momento do diagnóstico, tendo vantagem adicional de evitar os problemas do não cumprimento e mau uso do Tratamento.

 

IMPORTANTE

  • Procure o seu dermatologista para diagnosticar doenças, indicar tratamentos e receitar remédios.

 

 

FOTOS SARNA / FOTOS ESCABIOSE :

 

 

 

 

ESCABIOSE:

 

 

 

 

Tópico: SARNA / ESCABIOSE

minha bebe e seus carocinhos que nao somem..

Data: 07/09/2013 | De: denise

minha filha hoje tem 3 meses e ninguem descobriu ao certo o que ela tem.agora a pediatra desconfia de que nao seja escabiose e sim alergia aos raios-ultra violeta. ninguem decide cada vez fala algo diferente e ninguem chega num consenso o que faço e evita de sair com ela e quando os caroços irritam eu dou banho e deixo ela no quarto com ar-condicionado ligado dia e noite dai melhoram um pouco ate descobrirem o que ela tem de verdade. bjs

informação

Data: 03/09/2013 | De: Admir

Olá a todos gostaria de fazer uma pergunta posso tomar mais de uma vez a ivermectina para o tratamento, não aguento mais, e tenho uma filha de 14 anos ela pode tomar a ivermectina mais de uma vez tambem

Caroco

Data: 30/08/2013 | De: Joao reis

Eu queria saber se um caroco q da na pele abaixo uns tres centimetros do umbigo,e doenca??

sarna de pele´nadegas e coxas

Data: 23/08/2013 | De: elenice carvalho

por favor me ajude,já fui em médicos sem nenhum susseso,não sei o que fazer isso esta atrapalhando minha vida. parece sumir mas volta.

sarna

Data: 20/08/2013 | De: liliane

pow peguei sarna deu maior epidemia todos da minha familha pegaram isso eh uma droga coça pra caramba já tomei remédio mas ate agora nada

Re:sarna

Data: 10/09/2013 | De: celinadeoliveirasteffani

estou com muita coceira acho que é sarna

Re:Re:sarna

Data: 10/09/2013 | De: ola

aqui em casa meu bebe apanhou sarna fizemos tds o tratamento so k agora ta so aparecer me borbulhas sera normal

Sarna

Data: 13/08/2013 | De: Luana alves oliveira

Acho uma corvadia pegar essa doença pos cosa pra caranba

sarna

Data: 31/07/2013 | De: rose

valeu

sarna

Data: 31/07/2013 | De: rose

valeu

<< 1 | 2 | 3 | 4 | 5 >>

Novo comentário